Autoconfiança e eloquência caminham juntas - Eloquência

Autoconfiança e eloquência caminham juntas

autoconfiança

Confiança em si é o contrário da ansiedade.

É a certeza de que você poderá enfrentar os eventos que chegarão e que você vai se adaptar.

Confiança e adaptabilidade são sinônimos.

VOCÊ TEM MEDO DE FALAR EM PÚBLICO?

Receba por e-mail nosso guia gratuito sobre

​COMO VENCER ESSE MEDO:

Confiança é um status interno que vem da autoestima.

Autoestima tem 3 componentes:

  • amor próprio,
  • boa imagem de si,
  • autoconfiança.

Como seria seu mundo se você se amasse mais? Diria que se ama.

Como seria seu mundo se você tivesse uma melhor imagem de si? Não se criticaria e se elogiaria quando fizesse algo bom.

Como seria seu mundo se tivesse mais confiança em você?

Como desenvolver autoconfiança?

É difícil se não tem amor próprio ou se não tem boa imagem de si (e é difícil ter boa imagem de si sem se amar).

1. Aumente autoconfiança com pequenos desafios

Todo dia se dar um pequeno desafio: de uma escala de 0 a 10, coisas entre 0 e 4 – não sair muito longe da zona de conforto.

Por exemplo:

  • falar para uma pessoa o que acha dela,
  • falar para uma pessoa uma crítica,
  • falar para outra um elogio,
  • fazer um comentário ao seu porteiro,
  • resolver alguma coisa com uma pessoa da sua família,
  • elogiar um casal.
autoconfiança casal

Quanto mais você multiplicar essas pequenas coisas, mais ficará confiante. Não nos tornamos confiantes fazendo uma coisa muito corajosa  uma vez na nossa vida.

É a soma das pequenas coisas de todos os dias que vai aumentar a nossa confiança. Você deve ousar nas pequenas coisas.

Às vezes acha que não deve fazer algo porque não será bom. Mas nada é perfeito! E não pode ficar parado.

A dica então é: todo dia, faça uma ação  inspiradora e  imperfeita.

2. Preparo e antecipação

Se sabe que vai sentir desconforto em alguma situação, você pode se preparar.

A sua reação de desconforto está gravada no seu cérebro e você pode, em casa, desprogramá-la vivenciando a situação.

Assim que você confiar em si mesmo, você saberá como viver.

Johann Goethe

O cérebro não faz a diferença entre uma situação real ou uma situação imaginária se você usa todos os seus sentidos para se projetar num ambiente que terá que enfrentar.

Imagine-se então naquele ambiente; as sensações, os movimentos…

Decida depois como vai se comportar, o que vai falar, quais gestos vai fazer, sempre visualizando a situação.

Você pode por exemplo usar essa técnica contra o medo de falar em público.

Visualize-se na sala da apresentação com as pessoas sentadas olhando para você. Veja-se em uma postura que transmita confiança. Você sendo eloquente, falando alto e com clareza um discurso de impacto. 

Autoconfiança é um dos componentes da autoestima.

É sinônimo de adaptabilidade a todas as situações que podem surgir.

Inibição, timidez podem travá-la mas existem práticas do dia a dia para aumentá-la.

É fácil fazer, porque você só precisa se acostumar em ter pequenos desafios, nada difícil, mas fazer isso com frequência.

Também, quando for preciso, pode treinar e preparar-se para as situações desconfortáveis, usando imaginação e sensações para manipular seu próprio cérebro.

Click Here to Leave a Comment Below 0 comments

Leave a Reply: