Fracasso numa palestra TEDx - Eloquência

Fracasso numa palestra TEDx

decorar apresentação TED

Simon de Baene, empreendedor sucedido canadense, sócio criador de 3 empresas de novas tecnologias, foi convidado em 2016 pela famosa organização TED para dar uma conferência na escola de negócios HEC Montreal.

Ele aceitou com honra e prazer e se dedicou a preparar a palestra dele. Ele era (e ainda é) do tipo que sempre improvisa seus discursos, um cara bastante eloquente, enérgico, falando com o coração, como ele gosta de dizer. Mas como os discursos na TED devem ser do máximo 18 minutos, e que a platéia seria composta de umas 200 pessoas cultas, ele decidiu ser exigente com ele mesmo e pela primeira vez decidiu escrever e decorar a apresentação dele.

VOCÊ TEM MEDO DE FALAR EM PÚBLICO?

Receba por e-mail nosso guia gratuito sobre

​COMO VENCER ESSE MEDO:

1. O preparo

Ele escreveu essa apresentação 3 vezes. Quando finalmente achou que ela estava pronta, pediu opinião de pessoas próximas que aprovaram o texto. Ele podia então começar a decorar esse texto.

Levou tempo, mas ele decorou o texto, e como ele não queria parecer como recitando, depois trabalhou também muito o não verbal, como um ator. Até que tudo ficou pronto e perfeito.

No dia anterior, ele foi dormir cedo, relembrou mais uma vez seu texto e dormiu com serenidade.

2. O dia da apresentação

Simon acordou animado, se arrumou, tomou um bom café da manhã e chegou na escola com antecedência. Ele estava um pouco nervoso, mas aquele nervosismo positivo que ajuda a superar-se.

Ele escutou as instruções para os palestrantes com os outros e aguardou o turno dele numa sala. Ele estava recitando na cabeça o discurso dele, pensando o quanto ele dominava o assunto e queria muito compartilhá-lo com o público.

Ele estava pensando: qual é a pior das coisas que pode acontecer? esquecer uma frase ou duas? inverter um paragrafo com outro? Audiência não vai rir com minhas piadas? meu microfone pode parar de funcionar por um momento? Nada de mais…

Simon foi finalmente chamado. E ele começou o discurso dele. Tudo estava indo muito bem, quando de repente, depois de dois minutos, … BRANCO. Impossível lembrar qualquer coisa.

Felizmente o público teve empatia, foi simpático e várias pessoas falaram para o Simon não se preocupar, que eles conhecem a empresa dele, que isso acontece…

3. O aprendizado

Simon sofreu um trauma com esse evento. Ele ficou um tempo afastado, e nunca irá esquecer. Sentiu vergonha, humilhação, raiva, tristeza, rejeição, constrangimento e culpa.

Também nunca mais Simon irá decorar um discurso. Ele sempre irá falar “com o coração”.

decorar discurso Simon de Baene

Outra lição que ele aprendeu é que você deve sempre estar preparado para enfrentar dificuldades, a vida não poupa ninguém.

Mas esse fracasso que Simon teve não é a coisa pior que pode acontecer. Ele reconhece que parece horrível na hora, mas que na verdade não é tão grave assim. Ele aprendeu que nesses momentos precisa de mais recuo.

Enfim, ele acha que essa experiência ruim foi o resultado de muita pressão que ele colocou em cima dele mesmo. Não vale a pena e pode prejudicar.

Agora que passou por isso, Simon se sente com eloquência reforçada e está pronto para qualquer platéia.

Para fazer uma apresentação de impacto é importante definir o tema e a mensagem. Estudar é necessário mas decorar não ajuda porque se esquecer uma única palavra pode levar a ter “brancos”.

Para acessar a mensagem original do Simon, clique aqui.

Click Here to Leave a Comment Below 0 comments

Leave a Reply: